À semelhança do que aconteceu no primeiro confinamento, os hotéis, estabelecimentos turísticos e estabelecimentos de alojamento local podem continuar abertos. Porém, neste confinamento, por força de pesadas restrições, nomeadamente dever geral de recolhimento e impedimento à circulação, estes estabelecimentos não estão a registar qualquer atividade, pelo que muitos se mantêm encerrados. Por esta razão, a AHRESP defende que estes estabelecimentos devem ter acesso ao lay-off simplificado, para apoio à manutenção dos seus postos de trabalho, nos mesmos moldes aplicáveis às atividades que, legalmente, são obrigadas a encerrar, uma vez que o efeito sentido é, na prática, o mesmo.

10 Medidas para o Turismo
A AHRESP saúda a Confederação do Turismo de Portugal (CTP) pelo webinar “O Estado do Turismo” realizado hoje com as intervenções de António Brochado Correia, Presidente da PwC Portugal, Angola e Cabo Verde, Miguel Maya, Presidente da Comissão Executiva do Millennium bcp, Cláudia Monteiro de Aguiar, Eurodeputada, Luís Marques Mendes, advogado, e Pedro Siza Vieira, Ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital, que encerrou a sessão. Destacamos do evento as 10 medidas de apoio ao Turismo apresentadas por Francisco Calheiros, Presidente da CTP:

  1. Medidas de apoio ao emprego até ao final do ano, alargando o lay-off a todas as empresas com perdas de faturação
  2. Reforço financeiro do programa Apoiar.pt
  3. Revisitar as moratórias fiscais e financeiras
  4. Não descriminar grandes empresas nos acessos aos apoios
  5. Extensão do Apoiar Rendas na vertente não habitacional e centros comerciais
  6. Ampliação das medidas às empresas exportadoras, com plafond específico para o turismo e promoção de “Internacionalizar Turismo”
  7. Criação de quadro legal e de medidas preventivas através de legislação atempada e entendível por toda a cadeia de valor
  8. Balcão único onde as empresas se devem dirigir para aceder às medidas COVID 19
  9. Medidas de capitalização das empresas
  10. Campanha de ações para recuperar a confiança de quem elegeu Portugal como o melhor destino turístico

Fonte: AHRESP / Nota de Imprensa

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, introduza o seu comentário!
Please enter your name here