Alentejo Hoje

EDIÇÃO DIÁRIA

No Agrupamento de Escolas Manuel Ferreira Patrício

Câmara de Évora exige regulação de falta de pessoal não docente

Em reunião pública de 29 de Janeiro de 2020: Câmara de Évora exige regulação de falta de pessoal não docente no Agrupamento de Escolas Manuel Ferreira Patrício. O Executivo da Câmara Municipal de Évora aprovou por unanimidade uma moção proposta pela Vereadora da Educação, Sara Dimas Fernandes, referente à falta de pessoal não docente que afeta o funcionamento do Agrupamento de Escolas Manuel Ferreir

05 Fevereiro 2020 | Fuente: CME

O documento informa que a Câmara Municipal de Évora acompanha com grande preocupação a situação que se vive no Agrupamento de Escolas Manuel Ferreira Patrício quanto à enorme falta de pessoal não docente.

Face à gravidade da situação, que levou à determinação de encerramento de alguns serviços com grave prejuízo, não só no normal funcionamento do edifício sede, mas sobretudo na quebra da garantia do acesso à educação para todos, a Autarquia eborense manifesta “a sua solidariedade com toda a comunidade educativa e exige ao Ministério da Educação a regularização das situações expostas, para evitar mais e maiores constrangimentos a alunos, respetivas famílias e restante comunidade escolar, garantindo uma escola pública de qualidade e para todos”.

Todas as situações de carência de funcionários, referidas pelo Agrupamento, são da área de intervenção do Ministério da Educação e exigem resolução urgente.

Importa, ainda, recordar que o Agrupamento Manuel Ferreira Patrício se encontra ao abrigo do Programa dos Territórios Educativos de Intervenção Prioritária (TEIP), dando resposta a uma população em risco de exclusão social e escolar, e que, a Constituição da República Portuguesa, obriga o Estado a criar condições para garantir a igualdade de oportunidades, dirimir as desigualdades económicas, sociais e culturais.

Nesta reunião, o Presidente do Município, Carlos Pinto de Sá, apresentou também um voto de congratulação, aprovado por unanimidade, pelo Doutoramento Honoris Causa, que será atribuído ao ex-Presidente da Autarquia, Abílio Fernandes, pela Universidade de Évora.

Os eleitos aprovaram, também por unanimidade, o voto de congratulação, proposto pelo Presidente, à Seleção de Futebol Sénior de Évora que recentemente venceu a final nacional da Taça das Regiões da UEFA em Castelo Branco e que representará Portugal na fase final europeia, a ter lugar na Roménia.

O Presidente Carlos Pinto de Sá trouxe ainda à reunião outros assuntos e os Vereadores do PSD e PS colocaram diversas questões, tendo estas recebido os devidos esclarecimentos por parte dos responsáveis pelos respectivos Pelouros.

Foi aprovado por unanimidade o lançamento do concurso Imagem Gráfica-Mês da Juventude 2020 para eleição da imagem gráfica a usar em todos os materiais de divulgação utilizados no âmbito desta efeméride.

Aprovação unânime mereceu também a adesão do Município de Évora à Associação de Municípios Portugueses do Vinho. Uma decisão que tem em conta os objectivos desta associação e a crescente importância da dinâmica económica associada à produção e comercialização do vinho, com tradição e reconhecimento de marcas associadas a Évora, bem como o plano de actividades, com forte pendor de proteção e promoção desta actividade económica. O ponto segue agora para deliberação em Assembleia Municipal.

Opinião dos nossos leitores

Dê-nos a sua opinião

Incorrecto
NOTA: As opiniões sobre as notícias não serão publicadas imediatamente, ficarão pendentes de validação por parte de um administrador.

NORMAS DE USO

1. Deverá manter uma linguagem respeitadora, evitando conteúdo malicioso, abusivo e obsceno.

2. www.alentejohoje.com reserva-se ao direito de eliminar e editar os comentários.

3. As opiniões publicadas neste espaço correspondem à opinião dos leitores e não ao www.alentejohoje.com

4. Ao enviar uma mensagem o utilizador aceita as normas de utilização.