Alentejo Hoje
Twitter rectangular

Teatro Garcia de Resende

CICLO DE TEATRO ESPANHOL

De 10 a 14 de Outubro

10 Outubro 2017 | Fuente: Nota de Imprensa

No âmbito do Circuito Ibérico de Artes Cénicas, o Ciclo de Teatro Espanhol está de regresso ao Teatro Garcia de Resende.
O circuito conta com o envolvimento de companhias portuguesas e espanholas e visa desenvolver as relações teatrais no espaço ibérico, contribuindo dessa forma, para aproximar estas duas realidades, através de um maior conhecimento da produção teatral do país vizinho e da circulação do nosso trabalho em Espanha, numa manifestação clara e inequívoca do interesse nas relações transfronteiriças.

Programa:
Dia 10, às 21h30 - “María Zambrano La palabra danzante”, Karlik Danza Teatro
A Companhia Karlik Danza Teatro, no âmbito do seu 25.º aniversário, decidiu homenagear a filósofa espanhola María Zambrano, a primeira mulher a receber o prémio Miguel de Cervantes da Literatura (1988). Esta Companhia convida-nos a conhecer a figura de María Zambrano como mulher, pensadora, criadora da palavra dançante, da imagem e da metáfora.
Encenação e dramaturgia de Cristina D. Silveira, na interpretação Elena Sánchez Nevado e Lara Martorán.

Dia 12, às 21h30 - “La otra mano de Cervantes”, Teatro La Fundición
Almas em movimento. Realidade, humor, ironia e fantasia. Setembro de 1597, dezanove anos antes da sua morte, Cervantes é preso no Cárcel Real de Sevilha, onde segundo a sua própria voz, engendrou Don Quijote de la Mancha.
Esta obra de Blasco Vilches é uma aproximação aos espectadores de hoje da figura mais importante da literatura espanhola, através da encenação de Pedro Álvarez-Ossorio.
Encenação de Pedro Álvarez-Ossorio e na interpretação Sebastián Haro, Jasio Velasco (viola) e Carmen García Moreno (violoncelo)

Dia 14, às 21h30 - “Un encuentro con Miguel Hernandez”, Teatro Guirigai
Como mestres de cerimónia, três actores convidam o espectador a encontrar-se com momentos vitais da vida de Miguel Hernandez, um dos poetas mais conhecidos do público espanhol e que acompanhou diferentes gerações nas décadas mais obscuras do franquismo até à transição para a democracia.
Encenação e dramaturgia de Agustín Iglesias e interpretação de Magda Gª – Arenal, Raúl Rodriguez e Jesús Peñas.

Este projecto enquadra-se numa intervenção mais alargada que o Cendrev vem desenvolvendo com o universo espanhol, também na área das formações técnicas de teatro e no panorama das marionetas, nomeadamente através da participação dos Bonecos de Santo Aleixo em festivais do outo lado da fronteira.

Opinião dos nossos leitores

Dê-nos a sua opinião

Incorrecto
NOTA: As opiniões sobre as notícias não serão publicadas imediatamente, ficarão pendentes de validação por parte de um administrador.

NORMAS DE USO

1. Deverá manter uma linguagem respeitadora, evitando conteúdo malicioso, abusivo e obsceno.

2. www.alentejohoje.com reserva-se ao direito de eliminar e editar os comentários.

3. As opiniões publicadas neste espaço correspondem à opinião dos leitores e não ao www.alentejohoje.com

4. Ao enviar uma mensagem o utilizador aceita as normas de utilização.