Depois de renovado o Estado de Emergência, pelo Presidente da República, o Governo anunciou, que irá manter as regras atualmente vigentes até às 23h59 do próximo dia 1 de março.
Assim que forem publicadas, as informações constarão do nosso site para acesso exclusivo a associados e, na
segunda-feira, dia 15 de fevereiro, ao final do dia, serão atualizadas no Manual de Negócios AHRESP.
Neste documento pode encontrar as regras em vigor a cada momento, bem como perguntas mais

Frequentes e respetivas respostas sobre estas e outras matérias relevantes em tempos de COVID-19.
No Site da AHRESP estão ainda disponíveis os dísticos e minutas necessárias para esta fase. Consulte o
Site AHRESP.

A European Travel Comission (ETC) considera que 2020 foi o annus horribilis para o turismo europeu.
As viagens para todos os destinos europeus caíram entre 51%
e 85% em 2020, sendo que a queda foi de 70% a 79% num em cada três destinos. A vacinação e a
evolução da testagem dão, segundo a (ETC), presidida atualmente pelo presidente do Turismo de
Portugal, Luís Araújo, alguns sinais otimistas para a recuperação gradual em 2021. O regresso da
procura internacional aos níveis de 2019 poderá acontecer em 2023 e com novos hábitos dos
consumidores, que exigirão a adaptação forte e ágil do Turismo. Garantir viagens seguras deve ser
uma prioridade dos destinos, assim como responder às novas necessidades dos viajantes, que vão ser
viajantes “lentos” (slowly), viajarão mais perto de casa e para destinos menos conhecidos.

AHRESP disponibiliza formação e consultoria gratuita para a sua empresa – No âmbito do programa
Formação-Ação, cofinanciado pelo COMPETE 2020, ao abrigo do Fundo Social Europeu, a AHRESP
disponibiliza às empresas da restauração, similares e do alojamento turístico a oportunidade de
usufruírem de ações de formação gratuitas para os seus trabalhadores. Além da formação, a empresa
beneficia ainda de consultoria especializada. Este programa está disponível para micro, pequenas e
médias empresas das regiões Norte, Centro e Alentejo. Para saber mais informações e efetuar a sua
inscrição.

No conjunto do ano 2020, o índice de volume de negócios do alojamento, restauração e similares registou uma
contração de -44% face ao período homólogo de 2019. O Alojamento contraiu -63,2% e a Restauração
e similares -37,0%. A nível nacional, o índice de volume de negócios no total dos serviços contraiu –
15,3%, onde  o alojamento, restauração e similares foram dos que mais contribuíram para essa
contração. Consulte o Site AHRESP.

A Segurança Social disponibilizaàs entidades empregadoras a possibilidade de simular o valor que têm a receber por cada trabalhador, no âmbito dos dois principais mecanismos de apoio à manutenção dos postos de trabalho: Lay-off
Simplificado e Apoio à Retoma Progressiva.

Braga é o Melhor Destino Europeu de 2021 – A cidade de Braga acabou de ser considerado o Melhor
Destino Europeu de 2021. Os European Best Destinations consideraram que os cinco melhores
destinos europeus são Braga, Roma (Itália), Cavtat (Croácia), Florença (Itália) e Sibiu (Roménia).

A DGS anunciou ontem que os testes laboratoriais serão alargados a todos os contactos, de alto
e de baixo risco, e que haverá uma disponibilização generalizada de testes rápidos de antigénio (TRAg)
nas unidades de saúde do SNS. Além disso, serão implementados rastreios regulares com TRAg em
escolas e sectores de atividade com elevada exposição social. Informaremos quando a DGS publicar a
revisão das orientações técnicas. Consulte o Site AHRESP.

Entretanto, a Jet2, um dos maiores operadores turísticos britânicos, especializado em viagens económicas e de pacotes com tudo incluído, decidiu prolongar o cancelamento das reservas de voos e férias até pelo menos 14 de abril. A Jet2 justifica a
com a incerteza gerada pela COVID-19 e pelas restrições anunciadas. Consulte o Site AHRESP.

Considerando o stock da dívida resultante das moratórias bancárias,
financeiras e fiscais, a AHRESP defende que devem ser criados planos de amortização de médio e longo
prazo entre 8 a 10 anos.
A AHRESP defende o alargamento urgente do período de carência das linhas de crédito de apoio à economia COVID-19,
no mínimo até 30 de junho de 2022.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, introduza o seu comentário!
Please enter your name here